Destilaria Centro-Oeste Iguatemi

Empresa de Capital privado, fundada em 01 de julho de 2002 pelo Médico e empresário NELSON DONADEL e dona MARIA IDÊ DE QUADROS DONADEL, e com inclusão em sociedade a partir de 31 de janeiro de 2006 da empresa E.G. ADMINISTRAÇÃO E PARTICIPAÇÃO LTDA com a finalidade de exploração dos ramos de: Industrialização e Comercialização de álcool etílico hidratado, álcool etílico anidro e levedura de cana de açúcar; e da atividade agropecuária, cultivo de culturas permanente e temporário e criação de animais.

Hoje a Destilaria Centro-Oeste Iguatemi conta com um total de 900 funcionários divididos entre os setores industrial, de contrução, administrativo e agrícola.

Contamos também com Póliticas de Medicina e Segurança no Trabalho, para melhor atender nossos funcionários e também, Políticas de Meio Ambiente para contribuir com a preservação Ambiental de nossa região.

Política da empresa quanto a Medicina e Segurança no Trabalho

É intenção da DCOIL – DESTILARIA CENTRO-OESTE IGUATEMI LTDA. estar em conformidade com todas as leis relativas à segurança e saúde no trabalho, bem como à proteção do meio ambiente e dos recursos naturais.

A segurança e a saúde pessoal de cada funcionário desta empresa é de importância fundamental. A prevenção de danos ou doenças ocupacionais é de tal importância que será dada precedência sobre a produtividade, sempre que necessário.

Na maior extensão possível, a administração irá proporcionar todas as atividades mecânicas e físicas necessárias para a segurança e saúde das pessoas que trabalham na empresa, observando-se os mais elevados padrões.

Nosso programa de prevenção de riscos ambientais irá incluir:

  • Providências quanto à eliminação ou minimização na maior extensão possível dos riscos ambientais.
  • Condução de inspeções periódicas para encontrar, eliminar e controlar riscos à saúde e segurança, assim como condições e práticas de trabalho inseguras, para estar completamente em conformidade com a lei.
  • Treinamento para todos os empregados em boas práticas de saúde e segurança.
  • Desenvolvimento e execução de regras de saúde e segurança, e a exigência que os empregados cooperem no cumprimento dessas regras como condição de emprego.
  • Investigação imediata e completa de todo acidente ou doença ocupacional para encontrar a causa e corrigir o problema de forma que não ocorra novamente.
  • Participação dos funcionários no reconhecimento dos riscos e proposição de medidas preventivas.
  • Estabelecer relação entre o trabalho e a saúde do trabalhador e compreender as interfaces com meio ambientes.
  • Reconhecer os direitos do cidadão a fim de promover a organização social com vistas à resolução de problemas relativos à saúde.
  • Política da Empresa quanto à Proteção do Meio Ambiente e Recursos Naturais

    A DCOIL – DESTILARIA CENTRO-OESTE IGUATEMI LTDA Como empresa de co-geração de energia elétrica, para consumo próprio, insumo básico para o desenvolvimento econômico e social, reconhece que suas atividades podem levar à interferência ambiental, sendo seu compromisso conduzir as ações da Empresa respeitando o meio ambiente, com base nos seguintes princípios:

  • Integração da Política Ambiental às demais políticas da Empresa;
  • Incorporação da componente ambiental às etapas do planejamento, projeto, construção e operação de seus empreendimentos;
  • Atendimento à legislação ambiental e aos compromissos ambientais assumidos;
  • Publicação das informações ambientais associadas a seus empreendimentos;
  • Diálogo com empregados, comunidades e demais partes interessadas, visando a troca de informações e a busca de soluções participativas;
  • Promoção de treinamento e participação em ações de educação ambiental, no que se refere às atividades da Empresa;
  • Aperfeiçoamento de processos e incorporação de novas tecnologias visando a melhoria contínua do desempenho ambiental; e
  • Racionalização do uso de recursos naturais e combate ao desperdício de energia elétrica.

  • Recuperação e preservação das Matas Ciliares
    As matas ciliares são fundamentais para o equilíbrio ecológico, oferecendo proteção para as águas e o solo, reduzindo o assoreamento de rios, lagos e represas e impedindo o aporte de poluentes para o meio aquático. Formam, além disso, corredores que contribuem para a conservação da biodiversidade; fornecem alimento e abrigo para a fauna; constituem barreiras naturais contra a disseminação de pragas e doenças da agricultura; e, durante seu crescimento, absorvem e fixam dióxido de carbono, um dos principais gases responsáveis pelas mudanças climáticas que afetam o planeta.

    O reflorestamento das áreas de mata ciliar é uma necessidade, devendo ser implementado com espécies nativas, observando um nível adequado de diversidade biológica para assegurar a restauração dos processos ecológicos, condição indispensável para o desenvolvimento sustentável.

    A DCOIL – DESTILARIA CENTRO OESTE IGUATEMI LTDA, na área de 6.800 hectares de cana plantada nas Fazendas Bisturi, Fazenda Santa Cândida, Fazenda Verdurinha, Fazenda Cachoeirinha existe uma área de 1.241 hectares de matas Nativas, Matas ciliares e reservas ambientais, bem como algumas áreas que quando do arrendamento para o Plantio de Cana de Açúcar já existia áreas que precisariam ser recuperadas e para isto foi levantado as necessidades de desenvolvimento de projetos no sentido de recuperar e preservar as matas ciliares, bem como as nascentes dos rios e córregos que nascem dentro destas áreas.

    Para enfrentar este desafio, é preciso realizar pesquisas científicas, desenvolver e transferir tecnologia, promover a conscientização da sociedade e a capacitação dos diferentes atores sociais, identificar e viabilizar fontes de recursos e desenvolver estratégias e instrumentos que incentivem a mobilização e adesão dos produtores rurais e agricultores.

    Resíduos Industriais
    A DCOIL – DESTILARIA CENTRO-OESTE IGUATEMI LTDA, tem como política de destinação dos resíduos industriais, líquidos e sólidos, que é motivo de crescente preocupação das empresas e dos órgãos ambientais que, através de rigorosa fiscalização, e que tem obrigado as empresas a cuidados minuciosos com seus resíduos, durante todo o processo, desde sua correta classificação, tratamento, coleta, transporte, até a sua destinação final, obedecendo os seguintes objetivos:

    Vinhaça: com a capacidade instalada de 2500 toneladas de cana moída por dia, este processo gera em torno 493.799.328 milhões de litros de vinhaça na safra, que é na proporção de (1.056 L por toneladas de cana) 9 litros de vinhaça x 1 litro de álcool produzido, é destinada a aplicação total na irrigação em nossos canaviais, cerca 6.800 hectares, com investimentos na ordem de R$ 1.200.000,00 com a empresa tendo o cuidado de estabelecer na execução do projeto de irrigação ter sido feito todo em tubulação para se evitar que a vinhaça ficasse expostos a céu aberto;

    Eliminação de gás carbono na atmosfera: foi construído em nossa caldeira um lavador de gases para diminuir a temperatura dos gases lançados na atmosfera, pela queima do bagaço da cana, usado como combustível sólido, na caldeira, com investimento de R$ 800.000,00 sendo que pela não utilização dos lavadores de gases, estes são lançados a uma temperatura de 200º graus Celsius aproximadamente e com o lavador de gases, estes são lançados na atmosfera, através da chaminé a uma temperatura de 110º graus Celsius;

    Cinza: toda a cinza retirada do cinzeiro no processo de lavagem de gases é aproveitada, através de compostagem com calcário, torta e gesso, como adubo orgânico e espalhada por caminhão com caçamba apropriada;

    Torta: resíduo de terra e lodo extraído do caldo aquecido, através de filtro rotativo e prensa é aproveitada, através de compostagem com calcário, cinza e gesso, como adubo orgânico e espalhada por caminhão com caçamba apropriada;

    Bagaço de cana: com a capacidade instalada de 2500 toneladas de cana moída por dia, este processo gera em torno de 130.931,64 toneladas de bagaço por dia, que é destinada a queima, como combustível sólido, na caldeira, para geração de vapor e o bagaço que não é utilizado neste processo é vendido a empresas diversas na região, para ser usado como combustível sólido em suas caldeiras;

    Queima da palha de cana: para eliminação da queima da palha da cana foi adquirido 02 colheitadeira de cana, marca CASE, autotracker, com capacidade total de 1200 toneladas de cana colhida por dia que representa 50% da cana cortada necessária para nossa capacidade instalada que é de 2500 toneladas/dia, sendo que há projeto para adquirir mais 2 colheitadeiras de cana até o ano de 2010 e portanto até a intenção é que pelo 80% da cana colhida seja feita com corte mecanizado evitando assim a queima de pelo menos 80% da cana de açúcar a destinada a produção de álcool na DCOIL – DESTILARIA CENTRO OESTE IGUATEMI LTDA, com investimento total de mecanização para eliminação da queima da palha da cana de açúcar é no total de R$ 5.250.000,00

    Voltar ao Topo